a BÍBLIA para todos Edição Comum (BPT)
15

Impurezas relativas ao homem

151O Senhor disse a Moisés e a Aarão 2

15,2
Lv 22,4
Nm 5,2
2 Sm 3,29
Mt 9,20
Mc 5,25
Lc 8,43
que comunicassem aos israelitas as seguintes instruções: «Quando um homem sofre de gonorreia, o corrimento daí resultante é impuro. 3Quer seja fluido e escorra, quer seja espesso e lhe obstrua as vias sexuais, em qualquer dos casos esse homem fica impuro. 4A cama onde ele se deita ficará impura e qualquer sítio onde ele se sentar ficará impuro também.

5Quem tocar onde ele esteve deitado tem de lavar a sua roupa e tomar banho e ficará impuro durante todo aquele dia.

6Quem se deitar no lugar onde ele esteve deitado terá de lavar as suas roupas e tomar banho e ficará impuro durante todo aquele dia.

7

15,7
Lv 11,25
17,15
Quem tocar naquele homem doente tem de lavar a sua roupa e tomar banho e ficará impuro durante todo aquele dia.

8Se aquele homem doente cospe para cima de alguém que está puro, este tem de lavar a sua roupa e tomar banho e fica impuro durante todo aquele dia.

9A sela do animal sobre a qual o doente tiver montado ficará impura.

10Qualquer objeto sobre o qual ele tenha estado sentado ficará impuro durante todo aquele dia.

11Aquele em quem esse homem em estado impuro tocar, sem lavar antes as mãos tem de lavar a sua roupa e tomar banho e ficará impuro durante todo aquele dia.

12

15,12
Lv 6,28;
Os recipientes de barro nos quais ele tocou têm de ser quebrados e os de madeira têm de ser esfregados com água.

13

15,13
Lv 14,8
15,28
Quando a infeção que o tornava impuro tiver cessado, tem de deixar passar sete dias até poder considerar-se puro. Então lava a sua roupa e toma banho em água da fonte e fica puro.

14

15,14
Lv 14,22-23
No oitavo dia leva duas rolas ou dois pombos e vai à presença do Senhor, à porta da tenda do encontro e entrega-os ao sacerdote. 15
15,15
Lv 14,30-31
15,15
Lv 14,1931
O sacerdote oferece-os, um em sacrifício pelo pecado e outro como holocausto. Depois faz por ele, diante do Senhor, o ritual da expiação da sua doença.

16

15,16
Lv 22,4
Dt 23,10
Quando um homem tiver tido uma polução, deve tomar banho e ficará impuro durante todo aquele dia. 17E qualquer peça de roupa ou objeto de pele sobre os quais tenha caído esperma têm de ser lavados e ficarão impuros durante todo aquele dia.

18

15,18
1 Sm 21,4
Depois de um homem ter tido relações sexuais com uma mulher, têm ambos de tomar banho e ficarão impuros durante todo aquele dia.»

Impurezas relativas à mulher

19

15,19
Lv 12,2
«Quando uma mulher tiver o seu período menstrual, ficará impura durante sete dias. Todo aquele que lhe tocar fica impuro, durante todo aquele dia. 20Qualquer lugar onde ela se deite ou se sente, durante esse período, ficará impuro.

21Quem tocar no lugar onde ela esteve deitada tem de lavar a sua roupa e tomar banho e ficará impuro durante todo aquele dia.

22Quem tocar em qualquer objeto sobre o qual ela esteve sentada tem de lavar a sua roupa e tomar banho e ficará impuro durante todo aquele dia.

23Se alguém se encontrava já no lugar onde ela se foi deitar ou no sítio onde ela se foi sentar e ela lhe tocou, ficará impuro durante todo aquele dia15,23 O texto hebraico possibilita várias traduções, permanecendo o sentido fundamental idêntico..

24

15,24
Lv 20,18
Se um homem tiver relações sexuais com ela durante esse período15,24 Ver 18,19; 20,18., ficará também ele impuro, durante sete dias, e qualquer lugar onde ele se deitar ficará impuro.

25

15,25
Mt 9,20
Mc 5,25
Lc 8,43
Uma mulher que tiver hemorragias, para além do período menstrual, ficará impura, enquanto se mantiverem as hemorragias, tal como acontecia durante o seu período de menstruação. 26Qualquer cama em que ela se deite, enquanto tiver essas hemorragias, será como a cama onde ela dorme durante o período menstrual; e qualquer coisa onde ela se sente ficará impura, tal como acontecia no período menstrual.

27Quem neles tocar ficará impuro; tem de lavar a sua roupa e tomar banho e fica impuro, durante todo aquele dia.

28

15,28
Lv 15,13
Quando ficar curada da hemorragia, tem de deixar passar sete dias até ficar de novo pura. 29No oitavo dia, deve levar duas rolas ou dois pombos ao sacerdote, à entrada da tenda do encontro. 30O sacerdote oferece um em sacrifício pelo perdão e o outro como holocausto e faz por ela o ritual da expiação, diante do Senhor, pela hemorragia que a tornava impura.

31

15,31
Lv 11,47
Dt 24,8
Ez 44,23
15,31
Nm 5,3
19,1320
Ez 5,11
23,38
Assim manterão os israelitas longe das impurezas e eles não correrão o risco de serem mortos, por irem conspurcar com a sua impureza a morada onde eu habito junto de vós.

32

15,32
Lv 15,216
Estas são as normas sobre gonorreia e perdas de esperma, que tornam o homem impuro, 33
15,33
Lv 15,1924-25
sobre a mulher no seu período menstrual, sobre corrimentos nos homens e nas mulheres e sobre as relações sexuais dum homem com uma mulher em estado de impureza.»

16

O grande dia das expiações

161

16,1
Lv 10,1-2
Depois da morte dos dois filhos de Aarão, na altura em que se apresentavam diante do Senhor16,1 Ver 10,1–2, o Senhor disse a Moisés: 2
16,2
Hb 10,19
16,2
Ex 25,22
40,34
1 Rs 8,10-12
«Diz ao teu irmão Aarão que não nunca passe para além da cortina, que divide as duas partes do santuário16,2 Ver Hb 6,19. e separa o lugar onde se encontra a arca com a sua cobertura, para não correr o risco de ser morto, pois é lá que eu apareço numa nuvem.

3

16,3
Lv 4,3
Hb 9,71224-25
Aarão só deve entrar no santuário levando consigo um novilho para o sacrifício pelo pecado e um carneiro para o holocausto16,3 Ver Hb 9,7.. 4
16,4
Ex 28,3942-43
Lv 6,10
Ez 44,17-18
16,4
Ex 30,20
Lv 8,6-7
Por baixo, vestirá calções de linho e por fora a túnica sagrada, apertada com o cinto de linho e o turbante de linho na cabeça. São as vestes sagradas. Primeiro deve lavar-se, para as poder vestir.

5

16,5
Lv 4,14
Nm 29,11
2 Cr 29,21
Ed 6,17
Ez 45,22-23
A comunidade de Israel deve entregar-lhe dois bodes para sacrifício pelo pecado e um carneiro para o holocausto.

6

16,6
Lv 9,7
Hb 7,27-28
9,7
Aarão oferece o seu novilho em sacrifício pelo pecado e realiza o ritual da expiação16,6 Trata-se da célebre festa hebraica do Yom Kipur. Era o único dia do ano em que o sumo sacerdote entrava no interior do santuário. Ver v. 17., por si e pela sua família. 7Depois coloca os dois bodes diante do Senhor, à entrada da tenda do encontro. 8E tira à sorte os dois bodes, sendo um para o Senhor e outro para Azazel16,8 Para alguns, Azael é uma figura com traços demoníacos, normalmente localizada no deserto. Ver v. 10. Para outros é uma personificação do próprio deserto.. 9Aarão apresenta ao Senhor o bode que a sorte designou para tal e oferece o sacrifício pelo pecado. 10
16,10
1 Jo 2,2
E o bode que a sorte destinou para Azazel, coloca-o vivo diante do Senhor, para servir no ritual da expiação dos pecados e depois manda-o para Azazel, para o deserto.

11Aarão oferece o seu novilho em sacrifício pelo pecado e realiza o ritual da expiação por si e pela sua família, e degola o novilho. 12

16,12
Lv 10,1Ap 8,5
16,12
Ex 30,34
Depois pega no turíbulo, cheio de brasas tiradas do altar que está diante do Senhor e em duas mãos-cheias de incenso moído e penetra no lugar santíssimo, para além da cortina do santuário. 13
16,13
Ex 30,17-8Ap 8,3-4
16,13
Ex 25,21
Diante do Senhor, coloca o incenso sobre as brasas; o fumo do incenso16,13 O fumo lembra a nuvem de Ex 19,9, na qual Deus está presente e escondido (ver 16,2). envolve a cobertura da arca com o documento da aliança e assim Aarão não corre o risco de morrer.

14

16,14
Lv 4,5-6
Hb 9,1325
10,4
Em seguida, molha o dedo no sangue do novilho e asperge diante da cobertura da arca, do lado oriental, e volta a aspergir sete vezes diante da cobertura, molhando o dedo no sangue.

15

16,15
Hb 2,17
5,2
9,728
16,15
Lv 16,2
Hb 6,19
9,3712
Degola então o bode oferecido pelo povo para o sacrifício pelo pecado e leva o seu sangue para dentro da cortina e faz o mesmo que fizera com o sangue do novilho, aspergindo com ele diante da cobertura da arca e sobre ela.

16

16,16
Ex 29,36
Ez 45,18
Hb 9,22-23
Assim fará o ritual de purificação do santuário, contaminado pelas impurezas, crimes e pecados dos israelitas e fará o mesmo para a tenda do encontro, que está colocada no meio de gente impura.

17

16,17
Ex 34,3
Lc 1,10
Ninguém deve estar na tenda do encontro, enquanto Aarão entra no santuário para o ritual da expiação e até ele de lá sair. Aarão fará o ritual da expiação por si mesmo e pela sua família e por toda a comunidade de Israel. 18
16,18
Ex 30,10
Lv 4,718
Hb 9,2228
Depois sai para junto do altar que está diante do santuário16,18 Nesta interpretação trata-se do altar dos sacrifícios (ver Ex 27,1–8). Ou: Aarão sai do santuário e vai para junto do altar que está na tenda do encontro. Neste caso, seria o altar do incenso. e faz por ele o ritual da expiação tocando com o sangue do novilho e do bode nos cantos salientes, a toda a volta do altar. 19
16,19
Ez 43,20
Com o dedo molhado no sangue asperge sobre ele sete vezes e purifica-o assim das impurezas dos israelitas, tornando-o de novo sagrado.

20

16,20
Lv 16,16
Ez 45,20
Terminado o ritual da expiação, da tenda do encontro e do altar, Aarão apresenta ao Senhor o bode que está vivo. 21
16,21
Is 53,6
Coloca as suas mãos sobre a cabeça do bode vivo e declara para cima dele todos os delitos, crimes e pecados dos israelitas, fazendo-os recair sobre a cabeça do bode. Depois manda-o para o deserto, levado por um homem que é designado de cada vez para essa tarefa. 22
16,22
Is 53,11-12
Jo 1,29
Hb 9,28
1 Pe 2,24
Assim o bode leva consigo todas as iniquidades do povo para uma região desabitada.

Depois de ter mandado embora o bode, 23

16,23
Ez 42,14
44,19
Aarão entra na tenda do encontro e tira as vestes sacerdotais de linho que usou para entrar no santuário16,23 Ver Ez 44,19. e coloca-as ali. 24
16,24
Lv 3,5
Toma banho em lugar sagrado e veste a sua roupa normal. Depois oferece o seu holocausto e o do povo e realiza o ritual da expiação por si e pelo povo. 25
16,25
Lv 4,10
E finalmente queima sobre o altar as gorduras dos animais oferecidos em sacrifício pelo pecado.

26

16,26
Lv 15,5
Aquele que foi mandar o bode para Azazel deve lavar a sua roupa e tomar banho e depois disso pode entrar de novo no acampamento.

27

16,27
Lv 4,1221Hb 13,11
O novilho e o bode que foram oferecidos pelo pecado e cujo sangue foi usado para a expiação do santuário devem levá-los para fora do acampamento e atirá-los ao fogo, a pele, a carne e os intestinos16,27 Ver Hb 13,1.. 28Aquele que os foi deitar ao fogo deve lavar a sua roupa e tomar banho e só depois pode voltar para o acampamento.

29

16,29
Lv 23,27
Nm 29,7
Is 58,35
Esta é uma lei que devem cumprir para sempre. No dia dez do sétimo mês, devem fazer penitência, tanto vocês como os estrangeiros que vivem convosco e não devem fazer nenhum trabalho. 30
16,30
Sl 51,2
Jr 33,8
Ef 5,26
Hb 9,13-14
10,1-2
1 Jo 1,79
Nesse dia farão o ritual de expiação dos pecados, para ficarem purificados. E ficarão puros, diante do Senhor.

31

16,31
Lv 23,32
Esse dia deve ser para vós, por todo o sempre, um dia especial de descanso dedicado à penitência. 32
16,32
Ex 29,29-30
Lv 4,3516
16,4
Nm 20,2628
O sacerdote que em cada época tiver sido consagrado para suceder aos seus antepassados no exercício das funções sagradas, vestirá as suas vestes sagradas de linho 33
16,33
Lv 16,616-1824
e fará o ritual de expiação pelo santuário, pela tenda do encontro e o altar, e ainda expiação pelos sacerdotes e por toda a comunidade.

34

16,34
Lv 23,31
16,34
Ex 30,10
Hb 9,725
Esta será para vós uma lei perpétua. Uma vez por ano deve realizar-se o ritual de expiação pelos pecados dos israelitas16,34 Sobre os v. 29–34, ver Lv 23,26–32; Nm 29,7–11.

E Aarão cumpriu todas as ordens que o Senhor deu a Moisés.

17

Normas relativas ao sangue

171O Senhor disse a Moisés 2que comunicasse a Aarão e aos seus filhos e a todos os israelitas as seguintes ordens, que ele próprio lhes mandou: 3

17,3
Dt 12,1521
«Se algum israelita matar um touro, um cordeiro ou uma cabra dentro ou fora do acampamento 4
17,4
Dt 12,613-14
17,4
Gn 17,14
ou mesmo à entrada da tenda do encontro e não vai fazer uma oferta ao Senhor, diante do seu santuário, será considerado responsável por uma morte. Derramou sangue e por isso será excluído do seu povo.

5

17,5
Gn 21,33
22,2
31,54
2 Rs 16,4
17,10
2 Cr 28,4
Ez 20,28
Portanto, os israelitas devem levar ao Senhor os animais que matarem no campo; devem apresentá-los ao Senhor à entrada da tenda do encontro e entregá-los ao sacerdote para um sacrifício de comunhão. 6
17,6
Lv 3,2
17,6
Ex 29,18
Lv 3,51116
4,31
Nm 18,17
O sacerdote aspergirá com o sangue sobre o altar do Senhor, à entrada da tenda do encontro, e queimará a gordura em oferta de odor agradável ao Senhor.

7

17,7
Ex 34,15
Dt 3,16
32,17
2 Cr 11,15
Sl 106,37
1 Co 10,20
Ap 9,20
E não devem voltar mais a oferecer sacrifícios a esses demónios17,7 Espíritos representados por bodes que vagueavam pelo deserto e pelo campo. Ver 2 Rs 23,8; Is 13,21., atrás dos quais se deixaram arrastar, mostrando-se infiéis. É uma lei válida para sempre, para todos os seus descendentes.

8

17,8
Lv 1,2-3
Quando um israelita ou um estrangeiro residente entre eles quiser oferecer um holocausto ou outro sacrifício 9
17,9
Lv 17,4
e não o levar à entrada da tenda do encontro, para o oferecer ao Senhor, será excluído do seu povo.

10

17,10
Gn 9,4
Lv 3,17
7,26-27
19,26
Dt 12,1623
15,23
1 Sm 14,33
Ez 44,7
17,10
Lv 20,35-6
26,17
Jr 44,11
Ez 14,8
15,7
Se alguém, israelita ou estrangeiro residente entre eles, comer sangue seja de que maneira for, eu volto-me contra ele e expulso-o do meio do seu povo. 11
17,11
Lv 17,14
Mt 26,28
Mc 14,24
Rm 3,25
5,9
Ef 1,7
Cl 1,1420
Hb 13,12
1 Pe 1,2
1 Jo 1,7
Ap 1,5
17,11 ou vida
17,11
Hb 9,22
A vida do corpo está no sangue; por isso vos mandei usar o sangue para o ritual de expiação, pois pelo sangue se pode expiar uma vida. 12Foi por isso que ordenei aos israelitas que absolutamente ninguém deve comer sangue, incluindo os estrangeiros residentes entre vós.

13

17,13
Lv 7,26
17,13
Dt 12,1624
15,23
Ez 24,7
Se um israelita ou um estrangeiro que reside convosco apanhar um animal de caça ou uma ave ainda vivos, daqueles que é permitido comer, tem de derramar no chão o seu sangue e cobri-lo com terra. 14
17,14
Gn 9,4
Lv 17,11-12
Dt 12,23
17,14 ou vidaPois a vida do corpo é o sangue que ele tem e por essa razão eu proibi aos israelitas de comerem o sangue de qualquer animal. A vida dos animais está no sangue; quem o comer será excluído do seu povo17,14 Sobre os v. 10–14, ver Lv 7,26–27; Gn 9,4; Dt 12,6.23; 15,23..

15

17,15
Ex 22,31;
17,15
Lv 11,25
15,5
E se alguém, israelita ou estrangeiro residente, comer carne dum animal que morreu de morte natural ou que foi morto por uma fera, terá de lavar a sua roupa e tomar banho e ficará impuro durante todo aquele dia. 16
17,16
Lv 5,1
19,8
Nm 19,20
Se não lavar a sua roupa nem tomar banho, terá de assumir as consequências da sua culpa.»