a BÍBLIA para todos Edição Católica (BPTct)
23

As grandes festas litúrgicas

231O Senhor disse a Moisés 2

23,2
Ex 32,5
Lv 23,437
2 Rs 10,20
Sl 81,3
que comunicasse aos israelitas as seguintes instruções: «Para as festas em honra do Senhor, devem mandar reunir toda a assembleia dos israelitas; são as minhas festas.»

O sábado

3

23,3
Ex 20,9
23,12
31,15
34,21
Lv 19,3
Dt 5,13
Lc 13,14
«Nos primeiros seis dias da semana, podes fazer qualquer espécie de trabalho, mas o sétimo dia, o sábado, é dia de descanso e de assembleia de oração. Onde quer que estiverem, devem deixar todo e qualquer trabalho, porque é um dia de descanso em honra do Senhor23,3 Ver Gn 2,1–3; Ex 16,23–30; 20,8–11; 23,12; 31,12–17; 34,21; 35,2; Dt 5,12–14.

A festa da Páscoa

(Números 28,16–25)

4

23,4
Ex 23,14
Lv 23,237
«Estas são as datas das festas em que devem convocar assembleias de oração, em honra do Senhor:

5

23,5
Ex 12,61418
13,3
23,15
34,18
Nm 9,2-3
28,16-17
Dt 16,18
Js 5,10
No dia catorze do primeiro mês do ano, ao entardecer, é a Páscoa do Senhor23,5 Ver Ex 12,1–14; Nm 28,16; Dt 16,1–2.. 6No dia quinze do mesmo mês começa a festa dos Pães sem Fermento. 7
23,7
Ex 12,16
Nm 28,1825
No primeiro dia, devem fazer uma assembleia de oração e devem evitar qualquer espécie de trabalho. 8Durante os sete dias da festa, devem queimar ofertas como odor agradável ao Senhor. No sétimo dia, é dia de assembleia de oração e não devem fazer qualquer espécie de trabalho23,8 Sobre os v. 6–8, ver Ex 12,15–20; 23,15; 34,18; Nm 28,17–25; Dt 16,3–8.

Oferta do primeiro feixe da ceifa

9O Senhor disse a Moisés 10

23,10
Ex 23,1619
34,2226
Nm 15,218
28,26
Dt 16,9
Js 3,15
Tg 1,18
Ap 14,4
que comunicasse aos israelitas o seguinte: «Quando entrarem na terra que eu vos vou dar23,10 Ver 14,34 e nota; 18,3; 20,23–24. e chegar o tempo de fazerem a ceifa, devem ir apresentar ao sacerdote o primeiro feixe23,10 A festa de entrega do primeiro feixe corresponde provavelmente ao que é mencionado em Ex 23,19; 34,26. ceifado. 11O sacerdote apresenta esse feixe ao Senhor, na manhã de sábado, fazendo diante do Senhor o gesto ritual de apresentação. 12No dia da apresentação desse feixe, devem oferecer ao Senhor em holocausto um cordeiro de um ano, sem defeito. 13
23,13
Lv 2,14-16
Para acompanhar o holocausto, façam uma oferta de oito quilos da melhor farinha amassada em azeite, para ser queimada como odor agradável ao Senhor e que será do seu agrado, e ainda um litro de vinho para oferta. 14E enquanto não forem apresentar essa oferta ao Senhor, não podem comer dessa colheita nem pão, nem grão de trigo torrado, nem espigas frescas. Esta é uma lei válida para sempre, para todos os vossos descendentes, onde quer que se encontrem.»

A festa do fim da ceifa

(Números 28,26–31)

15

23,15
Lv 25,8
Dt 16,9
«Passadas sete semanas completas, a contar do dia em que ofereceram o primeiro feixe em gesto ritual de apresentação ao Senhor 16
23,16
Nm 28,26
At 2,1
até ao dia a seguir ao sétimo sábado, isto é, passados cinquenta dias23,16 Esta indicação dos cinquenta dias está na origem de um dos nomes da festa do Pentecostes que significa “cinquenta”, em grego., devem apresentar uma nova oferta ao Senhor. 17
23,17
Ex 23,19
34,2226
Nm 15,1721
28,26
De todas as vossas povoações devem levar dois pães, para os apresentar ao Senhor: cada pão com uns quatro quilos da melhor farinha e cozidos com fermento. É a oferta dos primeiros frutos em honra do Senhor.

18Além do pão, devem oferecer sete cordeiros de um ano, sem defeito, um novilho e dois carneiros, como holocausto em honra do Senhor, juntamente com as respetivas ofertas de comida e de bebida, que serão queimadas como odor agradável ao Senhor e serão do seu agrado. 19

23,19
Lv 3,1
4,2328
Nm 28,30
Devem oferecer igualmente um bode em sacrifício pelo pecado e dois cordeiros de um ano como sacrifício de comunhão. 20
23,20
Dt 18,4
O sacerdote oferecerá tudo isso juntamente com os pães dos primeiros frutos e os cordeiros, fazendo o gesto ritual de apresentação. Essas ofertas são para o sacerdote, porque são porção sagrada do Senhor.

21Devem convocar para esse mesmo dia uma assembleia de oração e não devem fazer nenhuma espécie de trabalho. É uma lei válida para sempre, para todos os vossos descendentes, onde quer que se encontrem23,21 Sobre os v. 15–21, ver Ex 23,16; 34,22; Nm 28,26; Dt 16,9–12..

22

23,22
Lv 19,9
23,22
Dt 24,19
E quando fizerem a ceifa dos vossos campos, não devem ceifar os cantos do teu campo nem ir respigar depois da ceifa. Deixem isso para o pobre e para o estrangeiro que reside no vosso meio. Eu sou o Senhor, vosso Deus23,22 Ver Lv 19,9–10; Dt 24,19–22.

Ano Novo

(Números 29,1–6)

23O Senhor disse a Moisés 24

23,24
Nm 29,1
23,24
Lv 25,9
que comunicasse aos israelitas o seguinte «O primeiro dia do sétimo mês23,24 A contagem dos meses começa no fim do inverno. Mas a antiga festa do Ano Novo mantém-se no início do outono, coincidindo com o início do sétimo mês. No calendário judaico atual, a festa do Ano Novo continua a ser nesta mesma data. será para vós um dia especial de descanso: devem convocar uma assembleia de oração comemorativa, proclamada ao toque da trombeta. 25Nesse dia não devem fazer nenhuma espécie de trabalho. Oferecerão um sacrifício em honra do Senhor

O grande dia das expiações

(Números 29,7–11)

26O Senhor disse a Moisés:

27

23,27
Lv 16,30
Nm 29,7
«O dia dez do sétimo mês é o grande dia das expiações23,27 Ver cap. 16.. Devem convocar uma assembleia de oração, fazer penitência e apresentar um sacrifício ao Senhor. 28Nesse dia, não devem fazer nenhum trabalho, pois é o dia das expiações, destinado a alcançar para vós o perdão da parte do Senhor, vosso Deus. 29
23,29
Gn 17,14
Quem, nesse dia, não fizer penitência será excluído do seu povo. 30E quem fizer nesse dia qualquer espécie de trabalho, eu mesmo farei com que ele desapareça do meio do seu povo. 31
23,31
Lv 20,35-6
Nesse dia não devem fazer nenhum trabalho. É uma lei válida para sempre, para todos os vossos descendentes, onde quer que se encontrem. 32Esse dia deve ser para vós um dia de descanso solene, para poderem fazer penitência. Desde o dia nove, à tarde, até ao anoitecer do dia dez, devem fazer descanso completo23,32 Sobre os v. 27–32, ver Lv 16; Nm 29,7–11.

Festa das Tendas

(Números 29,12–39)

33O Senhor disse a Moisés 34

23,34
Nm 29,12
Dt 16,13
Ed 3,4
8,14
Zc 14,16
Jo 7,37
que comunicasse aos israelitas as seguintes ordens: «No dia quinze do mesmo sétimo mês23,34 Ver no Glossário Calendário. é a festa das Tendas, durante sete dias, em honra do Senhor. 35No primeiro dia, haverá uma assembleia de oração e não devem fazer nenhum trabalho. 36
23,36
Nm 29,35
Dt 16,8
Ne 8,18
2 Cr 7,9
Jl 1,14
2,15
Jo 7,37
Durante os sete dias, devem oferecer sacrifícios ao Senhor. No oitavo dia, devem convocar uma assembleia de oração e oferecer sacrifícios ao Senhor. É uma reunião de festa; não devem, por isso, fazer qualquer trabalho.

37

23,37
Lv 23,24
Estas são as festas, nas quais devem convocar assembleias de oração e oferecer ao Senhor sacrifícios, holocaustos, sacrifícios de comunhão e ofertas de comida e de bebida, seguindo as normas dadas para cada um deles. 38
23,38
Nm 29,39
Isto, para além dos que são oferecidos ao Senhor em todos os sábados ou por ocasião duma dádiva, do cumprimento duma promessa ou de qualquer oferta voluntária.

39

23,39
Ex 23,16
Dt 16,13
Mas a partir do dia quinze do sétimo mês, depois de terem acabado de recolher todos os frutos da terra, façam festa em honra do Senhor, durante sete dias. O primeiro e o oitavo dias da festa devem ser dias de descanso. 40
23,40
Ne 8,15
23,40 Hebr. tomarás o fruto de formosas árvores
23,40
Dt 16,14-15
No primeiro dia, devem cortar ramos de árvores de adorno, folhas de palmeira, ramos de árvores frondosas e de salgueiros e façam festa diante do Senhor, durante esses sete dias. 41
23,41
Nm 29,12
Ne 8,18
Todos os anos devem celebrar esta festa em honra do Senhor, durante sete dias, e deve ser celebrada no sétimo mês do ano. É uma lei válida para sempre, para todos os vossos descendentes.

42

23,42
Ne 8,14-16
Durante esses sete dias, todos os israelitas devem morar em tendas. 43
23,43
Dt 31,13
Sl 78,5-6
É para que as futuras gerações saibam que, quando tirei os israelitas do Egito, os alojei em tendas. Eu sou o Senhor, vosso Deus23,43 Sobre os v. 34–43, ver Ex 23,16; 34,22; Nm 29,12; Dt 16,13–15.

44

23,44
Lv 23,2
E assim Moisés comunicou aos israelitas as festas que devem ser celebradas em honra do Senhor.