A edição da Septuaginta de Alfred Rahlfs tem sido uma importante base da pesquisa mundial da Septuaginta desde sua primeira publicação em 1935. Esta edição foi revista pelo investigador da Septuaginta de renome internacional, Robert Hanhart, em 2006.